Fumaça de queimadas no centro-norte do país atinge SC

  • Post category:publicações
Figura 01 – Focos de queimadas no Brasil nas últimas 24 horas. Fonte: DAS/Queimadas-INPE.

Em boa parte desta semana a fumaça produzida pelas queimadas na região Amazônica e Centro-Oeste Brasileiro, em especial no Bioma do Pantanal, chegou até o oeste do Sul do país, como pode ser observado na Figura 1.
Na Figura 2, observa-se como a fumaça produzida nas regiões mais ao norte do país chega até o Sul do Brasil, no fluxo de vento posicionado a uma altura de 1500m da superfície. A atuação desse vento é comum ao longo do ano. Dependendo da intensidade dos focos de queimada, a fumaça é mais perceptível ou não em SC, em especial nas regiões do estado mais próximas ao Paraná, como o Oeste, Meio-Oeste e Planalto Norte. A fuligem em suspensão na atmosfera pode reduzir a visibilidade horizontal e deixa o céu com tons de amarelo/laranja/vermelho no amanhecer e entardecer.
No decorrer do sábado (19/09), uma frente desloca-se com fraca atividade por SC, seguida de uma nova massa de seco e frio que estará predominando no estado no início da próxima semana, com ventos do quadrante sul. Essa condição deve contribuir para a dispersão da fumaça em SC.

Contato:

Marcelo Martins e Laura Rodrigues – Meteorologistas Epagri/Ciram


Figura 02 – Esquema de ventos predominantes no dia 18/09/2020, que favorecem o transporte da fumaça em direção a SC. Fonte: VentuSky.