Imagem de satélite

Descrição da Imagem de Satélite, 05/12/2022 às 13h05min

Céu com muitas nuvens a encoberto (em tons de branco, azul e verde na imagem satélite) sobre o Centro Oeste e boa parte do Sudeste do Brasil devido á instabilidade associada ao calor da tarde e, sobre parte do PR e nordeste de SC uma frente fria causa nuvens que se estendem sobre a área oceânica. Sol entre nuvens no norte da Argentina, Uruguai, RS e maior parte de SC devido a um sistema de alta pressão. Em SC início da tarde com chuva fraca em áreas altas do Planalto Sul e Grande Florianópolis, e com temperatura em 25°C em Florianópolis, 27°C em Criciúma, 29°C em Joinville, 26°C em Chapecó e Lages, 19°C em Urubici e 18°C em Urupema. (informação de estações automáticas em https://ciram.epagri.sc.gov.br/agroconnect/) Marilene de Lima – Meteorologista

Imagem da última hora
Imagens das últimas 4 horas

Para visualizar as imagens ampliadas (América do Sul), clique nas figuras.

img_satelite_cores

Os tons de cinza mais escuro indicam ausência ou menor quantidade de nuvens. Quanto mais escuro, maior a condição para ausência de nuvens e mais baixa a umidade do ar.
Os tons de cinza mais claro e branco indicam nuvens baixas e com menor desenvolvimento vertical, cuja base pode estar bem próxima à superfície, como nuvens de nevoeiro e as do tipo Stratus, Stratocumulous, que normalmente provocam chuvisco ou chuva de intensidade leve a moderada.
Os tons de azul e verde indicam nuvens médias e altas, com topo entre 5 e 11 km de altitude. As nuvens médias, como Altocumulus, Altostratus e Nimbostratus, estão em geral associadas à chuva fraca ou moderada. O tipo Nimbostratus, apesar de nuvem média, pode chegar a níveis mais baixos, provocando chuva mais persistente, moderada a forte, mas de difícil visualização na imagem. As nuvens altas, como Cirrus, Cirrocumulus e Cirrostratus, são transparentes e não provocam chuva.
Os tons de amarelo e vermelho indicam nuvens Cumulonimbus de desenvolvimento vertical profundo, associadas à chuva moderada e forte, com raios e ventos mais intensos. Apesar da nuvem Cumulus e Cumulonimbus ser do tipo baixa, pela altura da base, seu desenvolvimento vertical pode atingir uma altura de topo de 18 km. Alturas acima de 15 km são representadas em cores mais destacadas (tons de preto, lilás e roxo), por indicarem uma condição de tempestade severa, acompanhada de chuva e ventos extremos, granizo e possíveis tornado/microexplosão.

Os meteorologistas usam imagens de satélite para identificação e classificação de nuvens, sistemas meteorológicos e tempo severo. A imagem, gerada pelo satélite GOES16 e operada pela NOAA, é atualizada neste link a cada 15 minutos. A hora está em UTC (Tempo Universal Coordenado) e, para obter o horário local de Brasília, precisa subtrair 3 horas. 

EPAGRI/CIRAM

Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina
Rodovia Admar Gonzaga, 1347 – Itacorubi
Florianopolis, SC – Brasil – CEP 88034-901
Fone: (48) 3665-5006

Redes sociais

PUBLICAÇÕES

Skip to content